quarta-feira, setembro 21, 2011

ANJO

Alma humana, formada
de nenhüa cousa feita,
mui preciosa,
de corrupção separada,
e esmaltada
naquela frágoa perfeita,
gloriosa!
Planta neste vale posta
pera dar celestes flores
olorosas,
e pera serdes tresposta
em a alta costa,
onde se criam primores
mais que rosas!

Planta sois e caminheira,
que ainda que estais, vos is
donde viestes.
Vossa pátria verdadeira
é ser herdeira
da glória que conseguis:
andai prestes.
Alma bem-aventurada,
dos anjos tanto querida,
não durmais!
Um ponto não esteis parada,
que a jornada
muito em breve é fenecida,
se atentais.


- Gil Vicente, Auto da Alma



CARTOON - NOTÍCIA


FOTOGRAFIA

2 comentários:

Anónimo disse...

Fiquei traumatizada pelo Auto da Alma quando andava no liceu, mas o Astérix sempre foi uma leitura agradável e divertida.
Bjos da Sílvia

rouxinol de Bernardim disse...

Eloquente e a merecer saudades...