sexta-feira, maio 09, 2008

ELE SABE DO QUE FALA...

Tenho uma particular aversão a economistas, que geralmente não sabem prever coisa nenhuma, mas não se coíbem de criticar a torto e a direito, sempre na defesa de interesses aos quais estão ligados. Não foi por com surpresa pois, que li as declarações de Mira Amaral, a propósito de declarações de Bob Geldof.

Começando pelo princípio, o cantor disse recentemente em Portugal que “Angola é gerida por criminosos” e que “as casas mais ricas do mundo estão (a ser construídas) na baía de Luanda, são mais cara do que em Chelsea e Park Lane”, salientando que boa parte da população desse país vive com inúmeras dificuldades.

Pois parece que Mira Amaral não concorda com esta opinião expressa por Bob Geldof, que classificou “são irresponsáveis e desconhecedoras da matéria”, acrescentando que “há dois tipos de pessoas: os gestores que sabem do que falam e os artistas de rock e pop que serão competentes na sua área mas, se calhar, noutras não têm competência nem o conhecimento para falar”.

Hoje não me apetece comentar as declarações de nenhum dos dois, mas não posso deixar de salientar a coincidência de estas declarações de Mira Amaral, presidente do BIC, terem sido feitas durante a apresentação oficial deste novo banco, que possui uma estrutura accionista semelhante ao BIC Angola, onde pontua um familiar do próprio presidente angolano.

*** * ***
PINTURA AFRICANA
Mud Playing

Rhino and Young

Zuluman
in Zulu Exclusive

*** * ***

CARTOON

14 comentários:

ANTONIO DELGADO disse...

Economistas e Astrólogos parecem ser actividades afins porque ambas se nutrem de previsões.Por vezes ler relatórios económicos ou previsões económicas parece que se está a ler Horóscopos... Quanto ao prognosticador dos eucaliptos como o "nosso petróleo verde" o melhor é nem falar.

Um abraço
António

Jorge Borges disse...

Caro amigo,
Também te confesso que o último que me apetecia seria comentar o Mira Amaral, especialmente por ser tratar de um dos símbolos mais gritantes do neoliberalismo sob o qual vivemos. Pelo meu lado, estou farto! Estes senhores, toda a amálgama deles, os empresários que ditam as leis à máquina política, proliferam e infectam os valores que ainda poderiam restar de uma sociedade com valores humanos e sociais.
Para os afastar será necessário construir um mundo alternativo, uma globalização social e cultural, dentro da qual eles deixariam de ter cabimento. E isso, sim, é possível!

Um abraço das alternativas

Tiago disse...

Ele há coincidências esquisitas ein?

ANTI TUDO

Ludo Rex disse...

Esse Mira Amaral é igual à ideologia que defende... Sem mais
Um Abraço

Marreta disse...

Que o homem não tem papas na lígua nem se vende a interesses económicos é de todos sabido. Talvez por isso ande para aí na miséria, bem ao contrário desses sangussugas dos bancos cujo único propósito é esmifrar o máximo de lucro possível a qualquer custo.
O Geldof só disse aquilo que qualquer cidadão comum consegue ver mas provavelmente não consegue expôr com tanto mediatismo.
O homem tem mais do que razão.
A filosofia desses banqueiros ficou bem explanada nas recentes declaração do Ulrich do BPI, quando afirmou que o país só avançava quando fosse permitido às empresas despedir a seu belo prazer.
Saudações do Marreta.

São disse...

Economistas escalafriam-me cada vez mais!
E já agora , como se devem chamar pessoas corruptas que açambarcam tanta coisa e deixam crianças viver nos esgotos de Luanda?!
Feliz fim de semana.

Maria disse...

Zé, hoje passo só para desejar -lhe bom fim de semana e deixar-lhe um beijinho.
Depois volto.
Gosto da música . Muito.
Um beijinho amigo.
Maria

Pata Negra disse...

O Bob levantou um tema que incomoda em Angola e incomoda em Portugal - logo, o Bob não disse tudo,já que estava com as mãos na massa devia ter-se referido também a Portugal.
Já agora, alguém me pode arranjar a lista de convidados do casamento da filha do Eduardo?
Um abraço com o Espírito Santo

tulipa disse...

Xamuar

Tenho uma postagem mesmo fresquinha no blog das minhas FOTOS. Acredita que sou uma «vaidosa» com as fotos que faço, não sei explicar mas tenho gosto e dá-me um grande prazer fotografar.

Por aqui continua o teu talento para as palavras, sabes bem o que escreves e dizes.
Parabéns.

No outro blog tenho algo sobre cinema, se preferes, bora lá.

Bom fim de semana.
Deixo um beijinho c/carinho.

Maria Faia disse...

Olá Amigo Zé,

Comentar as palavras de Mira Amaral é, em minha modesta opinião, perder tempo precioso, com os disparates de quem julga ser o que não é e nunca será. Pessoas que se julgam acima de tudo e de todos não se enxergam e, pior que isso, só conseguem ver o seu próprio umbigo e os iguais ao seu. É por essa razão que não conseguem ver a fome, a miséria e o sofrimento vividos por milhares de Angolanos expoliados das riquezas e belezas do seu país.
A sua postagem fez-me voltar à minha meninice e juventude africana e, acredite que, se pudesse, estaria lá, junto daqueles que nada têm, e seria mais feliz do que aqui, no meio desta populaça falsa e interesseira.

Deixo-lhe um grande abraço amigo, com votos de feliz fim de semana,

Maria Faia

A. João Soares disse...

O tal Mira tem uma «reforma dourada» paga pela Caixa Geral de Depósitos onde esteve colocado uns meses, poucos. Na altura, o caso foi muito citado na Comunicação Social. Ele fala grosso a favor daqueles que lhe pagam, agora o BIC.
A frase dele até poderá estar correcta, mas não basta uma tal boca, para ficarmos estarrecidos a dar-lhe razão. Ele que apresente argumentos convincentes, para votar-nos nele, em vez de no Bob. Analisando esses argumentos, poderemos então ver se o Sr Mira convence das suas certezas.
Mas do que prece não haver dúvidas é que o «dono» de Angola está entre os homens mais ricos do globo e que, por outro lado, o povo tem tantas carências que há por cá frequentes peditórios para aliviar o povo Angolano, que pertence a um País exportador de diamantes, petróleo, minérios, produtos agrícolas e pecuários, pescado, etc.
Perante isto fico à espera que Mira Amaral apresente argumentos convincentes de que não exagerou.
Até quando terei de esperar???
Abraços
A. João Soares

Boris disse...

Zé Povinho, Zé Povinho
que grande desilusão
esse Eduardo dos Santos
tão rico até mais não.

Mas o que mais me espanta
é cá na terra portuguesa
ver o nosso tio Jerónimo
apoiar tanta riqueza.

Riqueza bem desigual
com gente a morrer à fome
que merda social é esta
que só o rico é que come?


Fez bem o Bob em falar
fez mal o Mira Amaral
é que uma coisa é lutar
e outra é ganhar capital.


Abraço

Templo do Giraldo disse...

Ora viva meu caro de amigo, tenho andando um bocado desligado do mundo do bloguer devido a problemas de saude, mas estou de volta a ver as novidades por aqui. Continuas com a "casita" bem arrumada como sempre, tens o trabalhinho de casa bem feito como é costume.

Bom fim de semana.

elvira carvalho disse...

Bom fim de semana.
Um abraço