sexta-feira, março 29, 2013

PASSADO E IRRESPONSABILIDADE



Não assisti à entrevista de José Sócrates, e penso que não perdi nada com isso, porque a acreditar no que diz a crítica, não acrescentou nada ao que já se sabia,

Depois de hora e meia de entrevista e de um dia de reacções, o evidente saltou à vista de todos: a culpa nunca é de quem fala, mas sim dos outros, o que os outros fizeram é que foi mais prejudicial para o país, e quem fala nunca errou, ao contrário dos outros.

Visto existir esta impunidade, esta falta de vergonha imensa, e da grande capacidade de manipular dados e de convencer os incautos, não admira que cada vez mais cidadãos conscientes desprezem tanto a classe política que está ou passou pelos mais altos cargos decisórios da nação.

Como será o futuro do país com esta gente irresponsável e virada para o passado? Brilhante não será, de certeza… 


««« - »»»
Música e Zurros

3 comentários:

O Puma disse...

Um dia os cravos

falarão mais alto

Jorge P.G disse...

A culpa morre sempre solteira, meu caro Zé.

Um abraço.

São disse...

Eu vi a entrevista.
Sócrates reconheceu o erro de ter feito Governo minoritário e disse umas quantas verdades sobre Cavaco.Só por isso valeu a pena, rrss

Desejo-lhe uma Páscoa de renocação e doçura.