terça-feira, maio 01, 2012

MANOBRAS INDECENTES

Há empresários capazes de tudo para levarem a sua avante, e por isso importa desmascarar manobras demagógicas e até ilícitas para justificarem a abertura das suas lojas no 1º de Maio. 

O Pingo Doce socorreu-se de um estratagema ilegal para atrair clientes às suas lojas neste Dia do Trabalhador, criando uma promoção que dá descontos de 50% para compras acima dos 100 euros. 

Todos sabemos que o poder de compra dos portugueses está muito diminuído pelas políticas seguidas por este governo, e como era de prever os espaços comerciais da cadeia Pingo Doce estavam a registar enchentes, que obrigaram a fechar algumas lojas, permitindo-se a entrada a clientes apenas à medida que outros saíam. 

Este vale tudo para desmobilizar os trabalhadores, é ilegal, porque alguns produtos foram vendidos abaixo do preço de custo, distorcendo as lei da concorrência, e é uma manobra baixa dum grupo económico que obrigou os seu funcionários a trabalhar neste feriado, mesmo sabendo que ia registar prejuízos com esta “promoção”. 

As autoridades que deviam fazer a fiscalização não apareceram e apesar de algumas tentativas para as contactar, nomeadamente a ASAE, não apareceram para verificar o que se passava.


5 comentários:

Kruzes Kanhoto disse...

A Asae não terá - alegadamente, claro - dinheiro para horas extraordinárias. Para além de que, como é óbvio, não trabalham no 1º de Maio.

Anónimo disse...

As autoridades sabem que a promoção é ilegal, mas estamos em Portugal, meu caro!
Bjos da Sílvia

Pata Negra disse...

Concordo com o que dizes mas quanto a "prejuízos" - cautela!
Os fornecedores terão de esperar pelo pagamento, o tempo necessário para que o capital realizado com a promoção renda, nos produtos financeiros de especulação a curto prazo, mais do que os tais "prejuízos" totalizarem.
E o povo come?! Nem todos! Muitos andaram nas ruas, não estamos sós!
Um abraço pingo amargo

Campista selvagem disse...

Enfim portugal no seu melhor, o povo não tem dinheiro para as compras diárias, mas comprou até mais não só porque era mais barato.
Excelente, ficaram sem a massa e vão gastar à grande enquanto a dispensa se encontrar recheada, quer ver depois, além desta estupidez há ainda outra quem passou horas nas filas para pagar não mericeu o seu feriado, ao contrário das pessoas "trabalhadores" que foram cuagidas para trabalhar e nesses o tal povo ingrato não pensou...
"afinal o povo merece que estes bandidos ainda ixistam, eles encarregam-se de levar os € para a Holanda, a vós palermas"povo" ninguem vos perdoa um centimo.

São disse...

Penso que aqui não há inocentes...até mesmo quem lá foi comprar.

A dignidade e a solidariedade não têm preço!!

A esta hora o dono do Pingo Doce deve ter tido já uma apoplexia de tanto rir à custa de quem lhe mordeu o isco!!

O tipo é asqueroso, mas estúpido não é e conhece-nos bem!

E assim se vão os pobres virando uns contr os ouros!!

Gostei da ilustração.

Boa noite, meu caro.