sexta-feira, setembro 10, 2010

ESPARSA

Tornou-se-me tudo em vento,
Após tormento e tormento
Que eu passei cuidando em al;
Em fim veo cedo o mal
E tarde o conhecimento.

Eu assi desenganado,
Vejo vir males maiores.
O tempo a que sou chegado!
Que posso doer às dores,
E dar cuidado ao cuidado.

Sá de Miranda



FOTOGRAFIA


CARTOON
Gurbuz Dogan

Gurbuz Dogan

4 comentários:

Anónimo disse...

As imagens são um mimo.
Bjos da Sílvia

São disse...

Até parece que Sá é nosso contemporâneo...

Bom final de semana, amigo.

ana p roque disse...

Ler poetas antigos,que,quer em poesia ou prosa demonstravam seu desagrado com governos e politicos da época,dá a sensação que não avançamos no tempo,tudo o que escreveram mantem-se actual,impressionante.

Concordo com o seu comentário,mas por maior que seja a nossa participação cívica,o Sol nunca vai brilhar para todos.


Bom fim de semana.
Abraço

Miguel disse...

"Vejo vir males maiores."

Esperemos que não ...

Parabéns pelo teu Espaço ...

Um BOM FDS!
Um abraço da M&M & Cª!