quarta-feira, julho 28, 2010

NÚMEROS DO TURISMO

O ministro Vieira da Silva parece estar satisfeito com as receitas do turismo até aos finais do mês de Maio deste ano, talvez para justificar os investimentos feitos nesta área, e as verbas consignadas pelo Estado para a divulgação do nosso turismo.

Infelizmente nem tudo são rosas neste sector e os números podem ser enganadores porque se limitam a um período que vulgarmente chamamos de época baixa. Os dados mais fiáveis são as carteiras de reservas, e mesmo aí há uma grande margem de erro.

Com os dados de que disponho, e que não são os oficiais, posso afirmar que Junho e Julho foram meses muito maus, mesmo que comparados com o ano transacto, e as projecções parecem indicar que 2010 vai ser um ano igual ou ligeiramente pior que 2009 em número de visitantes estrangeiros e em valores de negócio.

Sem uma máquina de análise estatística como o INE, eu diria que o senhor ministro é demasiadamente optimista e que vai falhar nas suas expectativas, infelizmente.



FOTOGRAFIA
Trombeta by Beata Bieniak

CARICATURA
"A Internet já era" (Prince) por Baptistão

992

6 comentários:

Kássia Kiss disse...

"o senhor ministro é demasiadamente optimista e vai falhar nas suas expectativas" - o costume, amigo Zé, o costume... Infelizmente.
A foto da corneta está jeitosa ;)

Anónimo disse...

Basta ouvir os empresários do sector e reparar nas matrículas dos popós para ter uma ideia. Sei que tu és um especialista na matéria por isso não duvido das tuas previsões.
Bjos da Sílvia

o escriba disse...

O senhor ministro aprendeu a prática do optimismo com o chefe dele...

Um abraço
Esperança

Daniel Santos disse...

Estamos de mal a pior.

VALVESTA disse...

Olá, vim convida-lo a passar no meu espaço e ler:
A cura da lepra, os sete mergulhos de Naamã, a salvação veio por se humilhar; Deus ainda é o mesmo de ontem, é hoje e será amanhã.
postado por VALVESTA em Hanukká - http://hanukkalado.blogspot.com/ visite e deixe seu comentário, o Pai tem sempre um abraço pra você. beijos no teu coração com carinho, Valquíria calado.

opolidor disse...

bem podia este ministro continuar no anterior ministério...