quinta-feira, janeiro 14, 2010

DISCURSO VERDADEIRAMENTE ILUMINADO

Ouvi as declarações do ministro das Obras Públicas, António Mendonça, e fiquei “maravilhado” com o espírito “visionário” deste governante. O senhor António Mendonça tece rasgados elogios ao TGV e salienta com inusitada clarividência os benefícios que Portugal poderá colher com esta obra pública.

«Lisboa pode-se transformar por exemplo na praia de Madrid, em termos de condições turísticas, as condições que nós [Portugal] temos para desportos novos como o surf. Há um conjunto de ideias e de oportunidades que importa explorar para aproveitarmos o que esta ligação pode trazer», afirmou António Mendonça.

A visão deste governante e a alusão apropriada à introdução do comboio a vapor como meio de transporte revolucionário no século XIX, dão um toque erudito à dissertação elogiosa do TGV.

Quanto às vantagens turísticas, futuras, que tanto a consultora contratada (quando custou?) como a Confederação do Turismo refere, parece-me que podem ser conseguidas com outras obras mais modestas, como o arranjo e revitalização do património edificado, oferta racional e programada de peças genuínas do nosso artesanato e criação de infra-estruturas e publicitação de inúmeras pérolas da ruralidade que ainda sobrevive no interior, apoiando assim a fixação de jovens nessas zonas, agora quase abandonadas.

FOTOGRAFIA
sunil

CARTOON
MÚSICA


6 comentários:

C Valente disse...

eram mais honestos se estivessem calados estes governantes da treta que querem fazer dos outrs parvos
Saudações amigas

Meg disse...

Zé,

Copmo não nos tínhamos lembrado disso! Os madrilenos a virem à praia, de TGV! E os surfistas, que são normalmente endinheirados...!
Devo estar com febre... em dia não.

Vinha só ler mas não resisti ao teu post.

Um abraço

Pata Negra disse...

Este tipos fixaram-se no TGV. E vão fazê-lo, nem que para isso tenham de fechar todas as outras linhas de comboio e acbar com todos os outros transportes públicos do país. Eles, claro, vão fazer uma viagem no dia da inauguração mas vão continuar a andar de avião ou em A8s em marcha acelarada de interesse público.
Um abraço pelo IVG

Ferreira-Pinto disse...

Ora vamos lá ver, se andamos a fazer um TGV para ir à praia aqui o Ferreira-Pinto exige um até Caminha ...

São disse...

Sou eu que ensandeci ou foi o senhor ministro?!

Bom fim de semana.

Jorge P.G disse...

Li há dias que Madrid ia ter uma praia, Pensei que seria o mesmo que fizeram os franceses em Paris, areia à beira-rio. Será que então é Lisboa a praia da capital dos castelhanos? Óptimo, nesse caso. Um tipo toma o TGV em Madrid pela freasquinha e vem banhar-se a Cascais. Depois, almoça no Guincho e segue para estação, devendo estar em Madrid lá para o finalzinho da tarde. Prático, nada desgastante e simplex, para além de sair baratíssimo
Ah, Ganda Ministro!

Um abraço e boa semana.