segunda-feira, junho 15, 2009

AVALIAÇÕES

A preocupação em criar novos parâmetros de avaliação e regras ditas de rigor para avaliar o desempenho dos funcionários públicos, foi um modo de sossegar umas quantas consciências críticas, e poupar uns cobres à custa dos mais pequeninos.

Para os que pensavam que a avaliação era a panaceia para os males da Função Pública e que tudo ia mudar muito com estas alterações, temos disponível na comunicação social o último relatório do Tribunal de Contas, onde está tudo estampado, pelo menos o que o TC conseguiu fiscalizar.

O nosso dinheiro, sim, porque é disso que estamos a falar, em apenas 5 obras públicas, levou uma razia de mais 241 milhões de euros, a que chamam derrapagem, e pasme-se, ainda assim houve quem tivesse direito a prémios no meio disto tudo.

Onde estão as consciências críticas que se contentaram com a avaliação dos funcionários públicos, os ministros, e os avaliadores nomeados agora que estes resultados foram tornados públicos pelo TC? Quantos foram os responsáveis políticos e operacionais, e falo nos que tinham poder decisório, que estiveram envolvidos nestes 5 casos, e quais as sanções ou avaliações negativas a que tiveram direito?

Como dizia um amigo meu: se tudo correu bem, então o mérito é do chefe, se os resultados são maus, aí é tudo resultado da incapacidade e mau desempenho dos subordinados.



*** * ***
FOTOGRAFIA
By Smell of Men

*** * ***
CARICATURA
Amir Taqi

4 comentários:

Meg disse...

Amigo Zé,

Eu acho que essas "derrapagens" servem para encher os bolsos a mais uns quantos... mas deve ser do avançado da hora ou da minha mente perversa...
Se este é um país onde parece que há mais consciências tranquilas por metro quadrado!

Um abraço

ana p roque disse...

É o pais das derrapagens,para o bolso de alguns.
Destribuiem-se prémios como quem oferece rebuçados ás crianças,quando se portam bem na escola.
O país nada em dinheiro,o pior é que quem precisa dele realmente,não o vê.
São muito conscensiosos,dormem tranquilamente.

Belissíma escada em caracol,que por vezes custa a subir sózinha,amparada é mais fácil,é muita curva,fica-se tonta,rs

Boa semana.
cumps

Anónimo disse...

Avaliar os políticos implica a utilização de palavrões, que devo dispensar.
Prémios, isso deve ser por andar tudo a fazer o pino neste país.
Lol

AnarKa

Anónimo disse...

Carros de alta cilindrada nas mãos de azelhas incompetentes dá derrapagem na certa e muitas vezes desastre, mas isso somos nós que pagamos, por isso sai mais um prémio para algum parvalhão do aprtido do poder...
Bjos da Sílvia