sexta-feira, março 06, 2009

IMPRESSÃO DIGITAL

"Os meus olhos são uns olhos,
e é com esses olhos uns
que eu vejo no mundo escolhos,
onde outros, com outros olhos,
não vêem escolhos nenhuns.


Quem diz escolhos, diz flores!
De tudo o mesmo se diz!
Onde uns vêem luto e dores,
uns outros descobrem cores
do mais formoso matiz.


Pelas ruas e estradas
onde passa tanta gente,
uns vêem pedras pisadas,
mas outros gnomos e fadas
num halo resplandecente!!


Inútil seguir vizinhos,
querer ser depois ou ser antes.
Cada um é seus caminhos!
Onde Sancho vê moinhos,
D.Quixote vê gigantes.


Vê moinhos? São moinhos!
Vê gigantes? São gigantes!"


António Gedeão, in Movimento Perpétuo

*** * ***
FOTOGRAFIA
Roger M. Larsen

suss

*** * ***
CARTOON
Zapatero and Basque Country by Latuff2

Karl Marx, The Prophet by Latuff2

8 comentários:

C Valente disse...

Bom fim de semana
Saudações amigas

Cata-Vento disse...

António Gedeão é um dos meus poetas preferidos.Tenho uma longa lista deles.A sua forma de ver o mundo, de passar para a poesia aquilo que outros calam, de intervir, faz da poesia, apesar do seu poder encantatório, a arma que luta por um mundo mais justo, mais solidário, mais igualitário.

Bem-hajas!

p.s. Marx está cada vez mais actual.Intemporal!

ana p roque disse...

Neste mundo conturbado em vivemos,
porque não,Sonhar um pouco, ainda que ligados á terra.
O mundo se constrói de sonhos,alguns serão utópicos,outros realizáveis,
isso ajuda-nos a crescer é a nossa Alquímia Interior.

Bom fim de semana.

Abraço.

Violeta disse...

se soubesses como gosto deste poema?
obrigada!

Anónimo disse...

Poesia é uma boa escolha tal o estado da situação actual, que mais dá para enfurecer um santo.
Lol

AnarKa

Papoila disse...

Que bom relembrar António Gedeão!
Cada um é seus caminhos!
Onde Sancho vê moinhos,
D.Quixote vê gigantes.
Vê moinhos? São moinhos!
Vê gigantes? São gigantes!"
Lindas fotos de flores e gostei dos cartoons.
Beijos

Jorge P.G disse...

Para cada coisa uma visão diferente. Afinal, é o que nos torna seres individuais!

Cumps

Isabel-F. disse...

é uma maravilha este poema ...

foi com prazer que o reli ...


beijinhos