quinta-feira, dezembro 27, 2007

USEM O PHOTOSHOP

Está na moda dar um jeitinho nas fotografias de algumas figuras públicas, para lhes melhorar o visual quando elas são para ser publicadas em revistas ou jornais. Na televisão recorre-se à maquilhagem para esse efeito.
Falei neste programa de fotografia, há outros claro, não com qualquer intuito publicitário, mas antes para introduzir um outro assunto.
Vamos gastar três milhões de euros numa campanha de imagem de Portugal onde não apareça a imagem de “subdesenvolvimento, iliteracia, corrupção e recorrentes indicadores estatísticos de miséria”. Isso mesmo, vamos dar uma imagem diferente do nosso país.
O nosso ministro Manuel Pinho, decidiu deixar nas mãos de uma agência de publicidade, a ‘criação desta nova imagem de Portugal’. Substitui-se Amália por Marisa, Eusébio por Mourinho e Cristiano Ronaldo e até surgiu uma ideia peregrina de substituir a bandeira nacional. Brilhante!
Com esta nova ‘imagem retocada’ ficamos todos muito mais confiantes no futuro, e os estrangeiros talvez pensem em lançar uma OPA amigável para comprar o produto. Até apetece sugerir a nomeação de Manuel Pinho para o Nobel da Publicidade, que se não existe ainda, devia ser criado expressamente para galardoar esta brilhante ideia. Já há quem sugira um hino cantado pelo Tony Carreira ou quiçá, pela estrela emergente, de seu nome Castelo Branco.
Viva Portugall.

*** * ***
FOTOGRAFIA
Yanreva

Yanreva

*** * ***

CARTOON
Tallil Abdellatif - Morocco

Tallil Abdellatif - Morocco

12 comentários:

Pata Negra disse...

Portugal já nem é um país, é um produto!
Podem vender o meu país mas não me vendem a mim e, por isso, nunca conseguirão vender este país completamente!
Um abraço do Portugal não vendável

Pata Negra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sílvia disse...

Não há photoshop que valha ao nariz de Pinóquio...eheheh
Bjos

quintarantino disse...

O Pinho, cá para mim, nem a versão 5 quanto mais o CS3... e aquela de colocar em paragens de transportes públicos cartazes daqueles em inglês só mesmo ao Pinho é que lembrava!

Sérgio Costa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sérgio Costa disse...

Felizmente as coisas não são sempre como o governo quer. A vóz da critica tem muito valor e vai estár patente no momento do nascimento desta nova imagem caso a mesma esqueça o passado de Portugal e tambem todos os problemas que são conhecidos por nós. Uma nova bandeira nunca será hasteada em terreno Luso nem o Cristiano Ronaldo substituirá o Eusébio.

Tiago R Cardoso disse...

E o amigo Zé também percebe um pouco e diga-se no bom sentido, para alem de excelente texto, deve ter pensado, ainda vai passar por aqui algum e não vai dizer nada sobre politica, então mete-se aqui umas fotografias mais "artísticas" e temos um post a agradar a toda a clientela.

Muito bem !!!

elvira carvalho disse...

E o pior nem foram as substituições.O pior foi a cifra astronómica que pagou um governo que diz estar em contenção de gastos.
E as fotos estão excelentes.
Um abraço

Zé Povinho disse...

Caro Tiago
Nem só de tristezas se vve neste cantinho, e o que é belo ou nos faça sorrir também tem um lugar garantido. Sou contra as depressões.
Abraço do Zé

C Valente disse...

Saudações amigas com votos de
Bom Ano Novo

Maria disse...

Viva Portugal!...o Só Cretino usa e abusa dessa imagem de marca publicitária.

Bonitos cartoons :-)

Bjs

SILÊNCIO CULPADO disse...

A mim também não me vendem e, assim sendo, vou continuar a protestar. Adorei este post mas, já agora, uma sugestãozinha: o Nobel da Publicidade deve ser criado, sim senhor mas não deve ser dado ao Manuel Pinho. O discurso de Pinto de Sousa, mais conhecido por José Sócrates, à laia de mensagem de Natal foi do melhor que vi em termos de publicidade. Afinal a perfeição existe, Zé Povinho. E nós moramos nela!...