quarta-feira, dezembro 19, 2007

CHAMAM-ME SALOIO...

DESTAQUE NO DN 18 de Dezembro

"É verdade, sou um provinciano" confessou Sócrates ao 'Libération'


*** * ***

FOTOS - HUMORES

сНежная королева

сНежная королева

сНежная королева

*** * ***

CARTOON

Arionauro - Brazil

9 comentários:

Maria Faia disse...

Estimado Amigo Zé Povinho, tenho andado arredada do convívio com os amigos da blogosfera, por razões estritamente pessoais e profissionais. O Mês de Dezembro é sempre terrível para mim e, este ano, não é axcepção.
No entanto, penso que em Janeiro, tudo possa voltar à normalidade.
Por ora deixo-te um beijo amigo e a promessa de voltar.

Maria Faia

Maria disse...

Tava a ver que Só Cretino não confessava a verdade...



Bjs da Maria :-)

Tiago R Cardoso disse...

eu até ia para comentar o o desenho, mas fiquei nas duas primeiras fotos das moças...

quintarantino disse...

Ser provinciano no sentido de ser cretino ou de ser uma pessoa provinda do meio rural?

Zé Povinho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Zé Povinho disse...

Para que não restem dúvidas, o boneco do Goraz nada tem a ver com o anúncio do queijo, IRRA QUE É SALOIO! Aqui não se faz plágio.
Abraço do Zé

SILÊNCIO CULPADO disse...

Zé Povinho
Gosto dessa do saloio. O homem é demais.
Um abraço grande (tenho uma mensagem especial de Natal no Notas).

Spectrum disse...

Se é, no pior sentido do termo. Ah, e mudou-se para a capital com a ideia peregrina de mandar nos outros. E não é que conseguiu?
Agora na capital do império e do provincianismo mais abjecto, rodeado das gentes mais abjectas o fulano está a fazer carreira. Ainda o vamos ver PR!
Abraços.
P.S. Tomo a liberdade de linkar o blog.

Pata Negra disse...

Ele não provinciano, nem da província, nem urbano, nem da cidade, ele é a construção monstruosa dum portugal descaracterizado e sem runo!
Fócrates para isto!