segunda-feira, abril 02, 2007

MENTIRAS NA POLÍTICA

Li algures as afirmações dum antigo ministro dizendo que não se pode (ou deve?) dizer a verdade em campanha eleitoral, porque isso condena os políticos à derrota. Por outras palavras o senhor ex-ministro aceita como normal que se prometa uma coisa e depois, já instalado no poder, se faça outra.
Já todos tínhamos percebido isso, até temos exemplos bem recentes, mas ter a desfaçatez de o dizer, depois de até ter passado pelo governo, é que não lembra a ninguém.
A política pode ser uma arte, pode até ser uma missão, o que não pode ser é um poleiro de vaidades, de benefícios indevidos ou um embuste para com os eleitores que lhes confiaram o voto.
Em Portugal os políticos desprestigiam a política e descaradamente enganam o povo.

PS – Ontem foi dia das mentiras, e até o título foi nesse sentido. Para a próxima não estranhem pois às vezes sai mal sem querer, outras por provocação.

FOTO


*** * ***

HUMOR

Carlos Sêco - Portugal


Muammer Olcay - Turkey

3 comentários:

AnarKa disse...

O Mira também está fora do prazo como o Pinho, mas lá que mentem isso é inegável. O povinho devia era votar em branco como eu.

Laurentina disse...

Olá Zé ,
Mentir eles mentem todos ...deviam ser atirados aos jacarés!
Mas afinal tu tb trabalhas-te na DETA?!
Conheceste um Alvaro Abreu ?!Tb lá trabalhou...vai vê-lo ao meu blog...
beijão grande

Anónimo disse...

Futebol e política no mesmo post ou no mesmo saco, está muito bem. Juntem-se uns quantos mentirosos e fica tudo como que em família.