quinta-feira, Abril 17, 2014

EXCLUSIVIDADE E DESCRÉDITO

A política e boa parte dos seus actores, que representam os seus partidos e não os cidadãos eleitores, estão completamente desacreditados, mas como o sistema por eles criado os defende, vão ignorando a realidade.

Para boa parte dos eleitores a política e os políticos estão divorciados dos seus problemas e das suas necessidades, defendendo antes interesses a que estão ligados, ou pretendem estar ligados quando largarem a vida pública.

A fidelidade dos deputados aos interesses dos seus partidos e a não exclusividade dos mesmos faz com que as suspeitas dos cidadãos aumentem ainda mais.


É por demais evidente que estas coisas não mudarão por vontade dos partidos maioritários, como se viu pelo chumbo das propostas de exclusividade apresentadas e discutidas na Assembleia da República, mesmo sabendo-se o que o povo pensa disso, por isso a política nacional tem cada vez menos credibilidade…


quarta-feira, Abril 16, 2014

A FRASE DA SEMANA



A mesma frase na boca de pessoas diferentes pode ter também significados diferentes. Muitos de nós conhecemos as posições defendidas por Ferraz da Costa, não só como cidadão mas sobretudo como representante do patronato, cargo que ocupou durante vários anos.


Não se pode dizer que Ferraz da Costa seja um esquerdista, nem sequer um entusiasta do 25 de Abril, pelo que a frase que escolhi para esta semana, não deixa de ser curiosa porque saída da sua boca:


«Um destes dias acordamos e temos um partido de extrema-direita».


Confesso que fiquei sem saber se é um simples desejo ou se será uma ameaça, mas também não estou interessado… 



domingo, Abril 13, 2014

ROMA ALDRABOU

Não me apetece citar o secretário de Estado que recorreu ao latim para dizer que o chefe falou, logo está falado, porque as coisas não são nada simpáticas e apetece dizer algo muito diferente.

Depois de um «briefing» no Ministério das Finanças que mostrou como o governo anda desnorteado, tivemos governantes a desdizer o foi sendo noticiado falando em manipulação, o que foi sucedido pelo conhecimento dum documento da Comissão Europeia que acaba por confirmar o que tinha sido noticiado na nossa comunicação social.


A conclusão é só uma: Roma mentiu, porque o que disse não era verdade, e a frase que fica é “nada de novo!”. 

sexta-feira, Abril 11, 2014

POBREZA

Cada dia a natureza produz o suficiente para nossa carência. Se cada um tomasse o que lhe fosse necessário, não havia pobreza no mundo e ninguém morreria de fome.

Mahatma Gandhi

terça-feira, Abril 08, 2014

A FRASE

Já que falaram de outra rainha muito gastadora e cuja noção do valor do dinheiro era apenas do tamanho dum "brioche", aqui vos deixo uma frase, menos famosa, é certo, mas não deixa de uma frase duma rainha:

"Quem  quer  Rainhas,  paga-as"

Sabem quem proferiu esta frase? 

1